Um seguro contra a umidade!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin

Impermeabilizar é o ato de isolar e proteger os materiais de uma edificação da passagem indesejável de líquidos e vapores, mantendo as condições de habitabilidade da construção. É uma técnica que consiste na aplicação de produtos específicos com o objetivo de proteger as diversas áreas de um imóvel contra a ação de águas que podem vir da chuva, de lavagem, de banhos ou de outras origens. Como tudo na construção civil, a impermeabilização também deve ser planejada para reduzir custos e aumentar a eficiência.


A falta ou uso inadequado da impermeabilização compromete a durabilidade da edificação, causando prejuízos financeiros e danos à saúde. A água infiltrada nas superfícies e nas estruturas afeta o concreto, sua armadura, as alvenarias. O ambiente fica insalubre devido à umidade, fungos e mofo diminuindo a vida útil da edificação, sem falar no desgaste físico e emocional do proprietário ou usuário que sofre com a má qualidade de vida causada pelos problemas existentes no imóvel.

Indispensável em todas as construções residenciais, industriais, rurais, publicas e de engenharia hidráulica em geral, na impermeabilização de: alicerces, balcões, barragens, caixas d’água, fachadas, galerias, jardineiras, paredes de arrimo, paredões, pisos, platubandas, rodapés, silos, subterrâneos, tanques, terraços, túneis, etc.

Durolit (A1)

Impermeabilizante de pega normal, inorgânico, isento de gorduras, econômico, de efeitos perduráveis. Não altera a resistência do cimento e sua propriedade de pega.

Para se aplicar argamassa durolitizada em superfícies muito lisas, para melhor aderência, a mesma deve ser picada. As superfícies devem ser molhadas, principalmente tratando-se de alvenaria de tijolos. Os revestimentos devem ser feitos de cima para baixo. Todos os cantos devem ser arredondados. As emendas entre o piso e a paredes como também as continuações de rebocos já puxado e seco, devem ser feitas de cimento puro com adição de durolit.

Em obras com tijolos a vista ou pedras naturais, onde a aplicação de uma impermeabilização externa não for possível, por exemplo: em ambientes fechados, sem ventilação, como adegas, cabines elétricas subterrâneas, fossas, porões, túneis, etc. Para absorver a eventual água de condensação, originada pela diferença das temperaturas internas e externas, aplicar-se à sobre a superfície durolitizada um reboco gordo de areia e cal de 5-8mm de espessura, para absorção da umidade do ambiente.

Veja alguns resultados:

Gostou? Clique aqui para conhecer o Durolit A1 ou acesse nossa lista completa de produtos para impermeabilização.

Já utilizou nossos produtos, comente deixe seu comentário abaixo. Será um prazer conhecer

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Problemas e Soluções

Construir em lugares com umidade é sempre um problema. O Durolit A1 traz a solução para problemas com umidade na construção.

Siga Nossas Redes

Problemas na construção?

Veja mais soluções da Durolit que vão ajudar o seu dia a dia.

Inscreva-se!

Receba as novidades da Durolit em seu E-mail ou Whatsapp